Câmara aprova levar reeleição a referendo

A Câmara dos Deputados da Colômbia aprovou ontem um projeto de referendo que permitiria uma segunda reeleição presidencial - mas não consecutiva. O projeto, que ainda deve passar pelo Senado, permitiria ao presidente Álvaro Uribe voltar a se reeleger em 2014. O ministro do Interior e Justiça, Fábio Valência, disse que o governo Uribe aprova o referendo e admitiu a possibilidade que seu texto seja modificado para que o presidente possa se reeleger novamente já em 2010. "A pergunta (da consulta) pode ser modificada, mas isso depende da vontade do Congresso, não do governo", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.