Câmara escolhe líderes para nova legislatura

A Câmara dos Deputados dos EUA escolheu a democrata Nancy Pelosi e o republicano John Boehner como seus líderes a partir de janeiro de 2011, quando a Casa será dominada pela oposição ao presidente dos EUA, Barack Obama. Ambos trocarão suas atuais posições, com base nos resultados das eleições de 2 de novembro. Atual presidente da Câmara, Pelosi passará a comandar a minoria democrata. Como novo chefe da maioria republicana, Boehner presidirá a Casa.

Denise Chrispim Marin, O Estado de S.Paulo

18 de novembro de 2010 | 00h00

O republicano não esconde que seu principal objetivo é minar todos os projetos de interesse do governo Obama nos próximos dois anos.

As decisões foram tomadas ontem. Responsável pela aprovação na Câmara das principais reformas propostas por Obama desde 2009, a californiana Pelosi venceu o deputado Heath Shuler, da Carolina do Norte, por 150 votos a 43. Sua candidatura à liderança da minoria foi amplamente atacada não só por republicanos, que investiram em anúncios em rádios e TVs, como por setores democratas.

Pelosi foi a primeira mulher a presidir a Câmara. Será, agora, peça fundamental para a campanha de reeleição de Obama. Primeiro, por sua capacidade de angariar fundos. Segundo, porque quanto mais obstáculos conseguir impor às iniciativas de Boehner, maiores as chances de a Casa Branca passar seus novos projetos e impedir alterações em reformas já aprovadas, como a dos planos de saúde.

Senador por Ohio, Boehner foi eleito por unanimidade pela bancada republicana. Durante a campanha eleitoral deste ano, nenhum político foi mais atacado publicamente por Obama que Boehner. No dia 30, o presidente se reunirá com ele e líderes democratas e republicanas para tratar da aprovação de projeto da Casa Branca.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.