Camp David era possível alvo de avião destruído da United

Camp David, retiro bucólico dos presidentes americanos nas montanhas de Maryland, era possivelmente o alvo de terroristas que seqüestraram uma aeronave da United Airlines hoje de manhã depois de decolar do aeroporto de Newark, segundo a rede americana de televisão CNN. A aeronave, com destino a San Francisco, caiu num campo aberto no estado de Pensilvânia a cerca de 120 quilômetros de Camp David, praticamente no mesmo momento que um outro avião seqüestrado explodiu perto do Pentágono, em Washington.Segundo a rede americana, uma autoridade local no estado de Pensilvânia recebeu um telefonema celular de um passageiro do vôo da United, que teria dito que o avião tinha sido seqüestrado por um grupo de terroristas. O vôo tinha 45 pessoas a bordo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.