Canadá extradita mafioso condenado para Itália

Um dos criminosos mais procurados pela Justiça italiana, Giuseppe Coluccio foi extraditado do Canadá para a Itália hoje. O mafioso condenado havia sido preso em território canadense no dia 7 deste mês, informou o Ministério da Justiça do país europeu. Coluccio chegou ainda hoje a Roma, onde foi levado a uma prisão de segurança máxima, informou o departamento penitenciário do ministério, sem dar maiores detalhes.Um dos 30 homens mais procurados da Itália, Coluccio fugiu do país em 2005 e foi condenado à revelia por tráfico de drogas e de armas e por conspiração criminosa. Ele foi preso pela polícia canadense na frente de um luxuoso prédio de apartamentos onde morava, às margens de um lago em Toronto. As autoridades italianas acreditam que Coluccio controlava quadrilhas de tráfico internacional de drogas da N''draghetta, a poderosa máfia calabresa. A agência italiana Ansa informou que as autoridades acreditam que ele manteve contatos com seus associados na Calábria, a partir do Canadá.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.