Canadá não confirma seqüestro de avião

Os meios de comunicação do Canadá informaram que dois caças F-18 da Força Aérea do país obrigaram um jato de passageiros da Korean Air com destino ao Alasca (EUA) a pousar em Whitehorse, na Província de Yukon, devido à suspeita de que o aparelho estivesse em poder de sequestradores. Outro jato, um cargueiro, também teria sido forçado a pousar pelos caças canadenses. Os informes disponíveis dizem que as Forças Armadas canadenses estão tratando a situação como um sequestro. Ninguém havia deixado o avião da Korean Air uma hora depois de ele ser obrigado a pousar. Os meios de comunicação canadenses ressalvaram que as Forças Armadas do país não confirmaram que se trata de um caso de terrorismo. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.