Canadá: tiros em universidade ferem duas pessoas

A polícia fazia buscas nesta sexta-feira pelo homem suspeito de abrir fogo na universidade de York, em Toronto, no Canadá, e ferir duas mulheres. Segundo a polícia, um homem de 20 e poucos anos disparou uma arma no refeitório do centro estudantil da universidade no fim da noite de quinta-feira. O bloqueio ao local foi rompido na madrugada de sexta.

AE, Agência Estado

07 de março de 2014 | 13h36

Uma mulher foi ferida na perna e levada para um hospital com ferimentos graves, mas sem risco de vida. Uma segunda mulher foi ferida por estilhaços, levada a um hospital para tratamento e já teve alta. A polícia disse não acreditar que o suspeito tinha as duas mulheres como alvo específico.

O suspeito fugiu a pé. Não se sabe se ele é estudante da universidade de York. A polícia o descreveu como sendo negro, de aproximadamente 1,80 metro e usando um moletom com capuz. A polícia planeja rever o vídeo de vigilância e interrogar pessoas que estavam no local na noite de quinta-feira. "A investigação está em curso e estamos falando com testemunhas", afirmou o policial Victor Kwong. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Canadátirosuniversidadeferidos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.