Capitão de navio que naufragou no Mediterrâneo é preso

Capitão de navio que naufragou no Mediterrâneo é preso

Sírio que fazia parte da tripulação também foi detido ; homens foram acusados de favorecer a imigração ilegal

O Estado de S. Paulo

20 de abril de 2015 | 21h09

ROMA - Promotores italianos anunciaram a prisão do capitão tunisiano e um sírio que fazia parte da tripulação do navio que naufragou no domingo com centenas de imigrantes da Síria, Líbia e outros países africanos.

Segundo o promotor Rocco Liguori, os dois homens foram acusados de favorecer a imigração ilegal. O capitão da embarcação também foi acusado de homicídio múltiplo.

Os dois homens foram presos em um barco salva-vidas com 27 sobreviventes do naufrágio, que pode ter tirado a vida de cerca de 900 pessoas. /AP

Tudo o que sabemos sobre:
UEnaufrágio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.