Fernando Llano/AP
Fernando Llano/AP

Capriles disputará eleição estadual, confirma assessoria

Após ser derrotado por Chávez nas eleições presidenciais, oposicionista tentará segundo mandato em Miranda

estadão.com.br,

10 de outubro de 2012 | 20h02

CARACAS - Henrique Capriles buscará nas urnas mais um mandato como governador do Estado de Miranda, nas eleições regionais de 16 de dezembro. Capriles foi derrotado nas eleições presidenciais do último domingo, ao disputar com o atual presidente Hugo Chávez.

Veja também:

tabela ESPECIAL: Eleições presidenciais na Venezuela

Capriles deverá formalizar a candidatura nesta quinta-feira, de acordo com a assessoria de imprensa do político. Ele deve enfrentar nas urnas o atual vice-presidente venezuelano Elías Jaua, ao qual Chávez deu pessoalmente a missão de recapturar Miranda, o segundo Estado mais populoso da Venezuela.

Jaua será substituído pelo chanceler Nicolás Maduro, anunciou o bolivariano nesta quarta-feira, 10. Em 2008, Capriles derrotou nas urnas em Miranda o aliado de Chávez e atual chefe do Partido Socialista da Venezuela, Diosdado Cabello.

Capriles obteve 44% dos votos, ou 6,4 milhões de sufrágios, nas eleições presidenciais de 7 de outubro, ante 55% dos votos, ou 8 milhões, de Chávez, que se reelegeu para um quarto mandato entre 2013 e 2019.

Durante uma coletiva de imprensa na noite de terça-feira, Capriles garantiu que a coalizão opositora continuará unida após a derrota. "A unidade será mantida e reforçada", ele disse. "Eu farei tudo que puder para ajudar nossos candidatos em todos os Estados", afirmou.

Com Dow Jones

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.