Lionel Cironneau/AP
Lionel Cironneau/AP

Carla Bruni deixa hospital com a filha

Sarkozy se encontrava neste momento em Bruxelas, onde líderes da zona do euro negociam como lidar com a crise

O Estado de S.Paulo

24 de outubro de 2011 | 03h05

PARIS - A primeira-dama da França, Carla Bruni, deixou a maternidade, quatro dias depois de ter dado à luz a uma menina.

 

A mulher do presidente Nicolas Sarkozy saiu da maternidade com o bebê nos braços e entrou em um veículo que a estava esperando.

 

Sarkozy se encontrava neste momento em Bruxelas, onde líderes da zona do euro negociam como lidar com a crise de dívida.

 

O presidente francês tem outros três filhos, de seus dois primeiros casamentos: Pierre, que nasceu em 1985, Jean, em 1986, e Louis, de 1997. Carla Bruni é mãe de um menino de 10 anos, Aurélien, cujo pai é o filósofo Raphael Enthoven.

Tudo o que sabemos sobre:
Carla BruniSarkozymaternidade

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.