Carlos, o Chacal, recebe nova prisão perpétua

Um tribunal parisiense condenou na quinta-feira o terrorista nascido na Venezuela, Ilich Ramírez Sánchez, conhecido pelo como "Carlos o Chacal", a mais uma sentença de prisão perpétua por ter organizado quatro atentados na França na década de 1980. Chacal, de 62 anos, já cumpre pena de prisão perpétua na França por ter matado dois agentes secretos franceses em 1975. Ele voltou novamente aos tribunais no mês passado, para ser julgado por ter instigado quatro atentados na França em 1982 e 1983.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.