Carro-bomba deixa 15 mortos e 25 feridos no Afeganistão

Fontes afirmam que a maior parte das vítimas é composta por civis

EFE

18 de agosto de 2007 | 04h29

Pelo menos 15 pessoas morreram e 25 ficaram feridas pela explosão de um carro-bomba conduzido por um suicida na província de Kandahar, no sul do Afeganistão, informou uma fonte policial. O atentado aconteceu na zona leste da cidade de Kandahar. Um carro com carga explosiva foi lançado contra um comboio de uma companhia privada de segurança americana, segundo o chefe de Polícia provincial, Sayed Agha Saqib. "Não sabemos quantos civis e guardas de segurança morreram. Mas a maioria das vítimas é civil", disse, acrescentando que a área atingida pela explosão já foi isolada. Outra fonte da Polícia de Kandahar disse que entre os 15 mortos há pelo menos sete civis. A província de Kandahar é um dos tradicionais redutos da milícia taleban. Em 2007, já morreram mais de 3.400 pessoas vítimas da violência no país.

Tudo o que sabemos sobre:
Afeganistãoatentadokandahar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.