Carro-bomba explode em Jerusalém

A explosão de um carro-bomba em Jerusalém Ocidental, próximo à Cidade Velha, hoje, é o sexto atentado a acontecer nos últimos seis dias e pode ter ferido três pessoas, além de ter deixado o policial que tinha ido inspecionar o veículo em estado grave. "Um terrorista que estava dentro do carro explodiu e morreu", disse o porta-voz da polícia. O chefe da polícia, Mickey Levy, disse à rede de tevê israelense Canal 1 que o a bomba foi detonada quando um membro da polícia resolveu inspecionar o veículo por considerá-lo suspeito. Levy não informou, no entanto, o que levantou suspeitas sobre o carro. "O membro da polícia foi muito, muito gravemente ferido e pode haver mais duas ou três pessoas feridas", afirmou Levy.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.