Carro-bomba explode na Síria e deixa 7 mortos

Um carro-bomba explodiu neste domingo perto de uma mesquita na província de Homs, na Síria, matando pelo menos sete pessoas, informou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos. Homs tem sido um campo de batalha nos 20 meses de guerra civil no país. A entidade acrescentou que o número de mortos pode aumentar porque alguns feridos estavam em condições críticas.

AE, Agência Estado

02 de dezembro de 2012 | 12h01

Segundo a agência de notícias estatal Sana, a bomba explodiu próximo da mesquita de Omar Bin al-Khattab no bairro de al-Hamra, em Homs. A agência também informou que o exército sírio matou vários rebeldes numa ofensiva na periferia da cidade. Além disso, ataques aéreos do governo sírio atingiram Alepo, no norte do país, disse o observatório.

A entidade afirmou ainda que as forças do presidente sírio Bashar Assad combateram rebeldes neste domingo com artilharia e ataques aéreos nas proximidades de Damasco, num avanço estratégico para tentar manter posições na capital.

No sábado, a artilharia síria atingiu a fronteira com a Turquia no fim do sábado, sem causar mortes. Foi o primeiro tiroteio além das fronteiras desde que a Turquia pediu que a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) colocasse mísseis no local. As informações são da Associated Press e da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.