Carro-bomba explode na Síria e mata 8 pessoas

Um carro-bomba explodiu neste sábado,8, em uma região da Síria amplamente habitada por uma seita do ramo xiita que domina o regime, matando oito pessoas, incluindo três mulheres e um adolescente, de acordo com a TV estatal Al-Ikhbariya. Fora da cidade central de Homs, onde a explosão ocorreu, tropas do governo realizaram uma ofensiva contra rebeldes em fuga em vilarejos próximos.

ASSOCIATED PRESS, Agência Estado

08 de junho de 2013 | 13h48

A TV estatal disse que um carro explodiu em uma região populosa perto de uma rotatória em Adawiya, uma região predominantemente alauíta. O repórter da emissora no local disse que 10 pessoas ficaram feridas pela explosão, que também danificou casas.

As imagens da TV mostraram moradores desesperados correndo, sangue espalhado no chão, e um carro destruído. Outros carros na rua também foram danificados. O repórter disse que o carro estava transportando cerca de 100 quilos de explosivos.

O Observatório Sírio para Direitos Humanos, baseado no Reino Unido, que conta com uma rede de informantes dentro da Síria, confirmou que o carro continha explosivos. Segundo o órgão, sete pessoas foram mortas, citando relatos preliminares.

A explosão rara em um bairro habitado por alauítas, seita à qual o presidente Bashar Assad pertence, ocorre em um momento no qual o conflito assume cada vez mais conotações sectárias.

Mais conteúdo sobre:
Síriaviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.