Carro-bomba fere dez pessoas no noroeste do Paquistão

Um carro-bomba explodiu no lado de fora de um restaurante em Peshawar, principal cidade do noroeste do Paquistão, ferindo 10 pessoas no segundo ataque a ocorrer no país nesta sexta-feira. A explosão no distrito comercial de luxo de Hayatabad se deu poucas horas depois que um terrorista suicida se explodiu no lado de fora de uma importante base da força aérea na cidade de Kamra, na principal estrada entre Peshawar e a capital, Islamabad.

AE-DOW JONES, Agencia Estado

23 de outubro de 2009 | 06h40

Segundo a polícia, um veículo no lado externo do complexo Evergreen, que é usado como salão de festas de casamento, restaurante e piscina, ficou completamente destruído.

O chefe do Complexo Médico Hayatabad confirmou que 10 feridos deram entrada no hospital depois da explosão. Peshawar situa-se na violenta região tribal do Paquistão, reduto de insurgentes da Al-Qaeda e do Taleban e considerada pelos EUA como o lugar mais perigoso do mundo. Nos últimos quatro meses, houve seis ataques de militantes islâmicos na região. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Paquistãoviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.