Carro-bomba mata três chineses no Paquistão

Três engenheiros chineses que trabalhavam em um projeto portuário morreram e outros 11 ficaram feridos nesta segunda-feira em decorrência da explosão de um carro-bomba no sudoeste do Paquistão. A explosão ocorreu pela manhã e atingiu um ônibus que levava pelo menos 12 chineses para o porto de Gawadar, a 500 km de Karachi, próximo à fronteira com o Irã. Ainda não se sabe se foi um ataque suicida ou se a bomba foi ativada à distância, nem o motivo do atentado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.