Carro é metralhado na Chechênia e quatro pessoas morrem

Quatro pessoas morreram e outras duas ficaram gravemente feridas na manhã deste sábado, quando o carro em que viajavam foi metralhado, no nordeste da república russa da Chechênia."O carro era de cor cáqui. Por isso, é possível que os assaltantes tenham achado que fosse um veículo militar", opinou um porta-voz das forças de segurança chechenas, citado pela agência "Interfax".Três dos mortos eram chechenos e o quarto, o motorista, era russo, informou a Promotoria local. Os tiros vieram da floresta à beira da estrada. Horas antes, outro carro, com quatro membros das forças de segurança chechenas, havia sido atacado no distrito de Kurchaloi, tradicional reduto da guerrilha separatista, deixando três feridos.A guerrilha chechena anunciou esta semana novos ataques contra alvos russos, cujo objetivo é vingar a recente morte em combate do "presidente" da Chechênia separatista, Abdul-Halim Saduláyev. Ele morreu dia 17 de junho numa troca de tiros com as tropas leais ao primeiro-ministro checheno, Ramzan Kadyrov.O conflito da Chechênia, que começou em dezembro de 1994, já causou a morte de milhares de pessoas, em sua maioria civis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.