Carta a Daschle poderia contagiar dois milhões

A carta enviada ao senador Tom Daschle continha dois gramas de antraz, quantidade suficiente para contagiar dois milhões de pessoas, segundo foi revelado nesta quarta-feira para a imprensa em Washington. A quantidade de antraz na carta tinha mais de 20 bilhões de esporos. Para contagiar uma pessoa com antraz pulmonar são suficientes 10 mil esporos. Embora a carta endereçada a Daschle estivesse fechada, os esporos de antraz contagiaram muitos escritórios de correios no trajeto. A correspondência, enviada de Nova Jersey no dia 9 de outubro, provocou a morte de dois funcionários da Central de Distribuição de Brentwood, nas redondezas de Washington. A carta foi aberta por uma funcionária de Daschle, que chegou a ser internada, mas se recuperou. Vários prédios do Congresso dos EUA ficaram fechados durante dias por causa do incidente. Leia o especial

Agencia Estado,

31 Outubro 2001 | 19h53

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.