Carteira perdida é devolvida depois de 40 anos. Com dinheiro

Uma carteira perdida por uma adolescente sueca em 1963 foi devolvida depois de mais de 40 anos. Dentro dela, o dinheiro que sua dona levava - e considerava uma pequena fortuna - estava intacto. A notícia foi divulgada hoje pelo jornal sueco Trelleborg Allehanda. Gulli Wihlborg tinha 18 anos quando perdeu a carteira enquanto andava de bicicleta pela cidade sueca de Trelleborg, no sul do país. Depois de quatro décadas, ela ficou surpresa na semana passada ao abrir um envelope e descobrir que alguém enviou anonimamente a carteira há muito tempo esquecida. "É fantástico!", disse Wihlborg ao jornal. Ela contou que a carteira continha antigas fotografias, recibos e até mesmo o dinheiro que ela lembrava ter perdido na ocasião. "Eram exatamente 45 coroas e 54 oeres (quantia equivalente a pouco menos de R$ 20). Na época, isso era muito dinheiro para mim. Eu alugava um quarto mobiliado por 90 coroas. Aquilo era metade do meu aluguel", recorda. Reajustado, o dinheiro perdido em 1963 valeria hoje 412 coroas (pouco mais de R$ 160). O remetente não forneceu pistas sobre sua identidade. Uma nota dizia apenas: "Querida Gulli, nunca abandone a esperança. Aqui está sua carteira, que foi encontrada na Rua Oestersjoegatan muitos anos atrás. Saudações de Trelleborg!" Agora, Wihlborg espera que o remetente apareça e ela possa saber o resto da história. "Seria interessante saber", acredita. "A gente fica imaginando por que ela só foi enviada agora."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.