Carter defende diálogo com Síria e Hamas

O ex-presidente americano Jimmy Carter visitou ontem a cidade de Sderot, no sul de Israel, que é alvo freqüente de foguetes disparados por palestinos da Faixa de Gaza. Ele condenou tais ataques como um "crime desprezível". Apesar das críticas da Casa Branca e de Israel, Carter defendeu o diálogo com a Síria e com grupo islâmico Hamas, que controla Gaza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.