Casa Branca condena "ataque terrorista" em Jacarta

Os EUA condenaram o que chamaram de atentado explosivo na Indonésia nesta terça-feira e se ofereceram para ajudar o governo local a investigar o incidente.O porta-voz da Casa Branca, Scott McClellan, qualificou a explosão que matou pelo menos 13 pessoas e feriu cerca de 150 como ?um deplorável ataque contra civis inocentes?. ?Nosso pensamentos e preces estão com as vítimas e suas famílias?, disse McClellan. ?Nós estamos totalmente preparados para dar assistência de todas as maneiras possíveis para levar os responsáveis à Justiça?, acrescentou. O porta-voz, que acompanhou o presidente George W. Bush na viagem do chefe do Executivo americano a seu rancho no Texas, não quis dizer se tal assistência incluiria o envio de investigadores americanos para a Indonésia.McClellan também não disse se achava que os responsáveis pelo ataque eram ligados à rede Al-Qaeda. Horas antes, um outro funcionário americano havia dito que o atentado desta terça-feira em Jacarta tinha as mesmas caracaterísticas das ações violentas anteriormente cometidas pelo Jemaah Islamiyah, um grupo islâmico regional vinculado à Al-Qaeda. ?Este ato terrorista contra civis inocentes nos faz lembrar que ainda estamos em uma guerra global contra o terrorismo?, disse McClellan. ?A coalizão global permanece firme em nossos esforços para perseguir os terroristas e levá-los à Justiça?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.