Casa Branca não vê terrorismo em desastre do Columbia

Funcionários da administração Bush afirmaram neste sábado não ter nenhuma informação imediata de que houve um ato de terrorismo na aparente desintegração do ônibus espacial Columbia, pouco antes do pouso.O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, estava no retiro presidencial de Camp David, em Maryland, informado sobre a situação e esperava mais notícias da Nasa. Um funcionário dogoverno disse que o presidente planejava voltar para a Casa Branca a fim de tratar da perda do ônibus espacial."Até agora, não há nenhuma informação de que foi um ato de terrorismo", disse Gordon Johndroe, porta-voz do Departamento de Segurança Interna. "Obviamente, a investigação está apenascomeçando, mas esta é ainformação que temos agora."VEJA O ESPECIAL

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.