AFP/ William EDWARDS
AFP/ William EDWARDS

Casa onde Trump morou na infância em Nova York pode ser alugada pelo Airbnb

O imóvel de 5 quartos e 3 banheiros terá neste fim de semana seus primeiros inquilinos; diária sai por 'apenas' US$ 617

O Estado de S.Paulo

09 Agosto 2017 | 18h48

NOVA YORK - Quem planeja visitar Nova York e esteja buscando um lugar para ficar pode alugar por "apenas" US$ 617 a diária a casa onde o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, viveu os primeiros quatro anos de sua vida.

A "oportunidade" foi revelada pelo jornal New York Post, que encontrou o anúncio no site Airbnb. A casa, situada no distrito de Queens, tem cinco quatros, três banheiros, uma cozinha e uma biblioteca com um único livro: Trump: A Arte da Negociação, publicado pelo agora presidente em 1987.

Há também um boneco de papelão com o tamanho real de Trump.

A casa, construída por Fred Trump, pai do presidente, foi vendida em dezembro do ano passado por seus donos, que a tinham comprado em 2008, por US$ 708 mil. O investidor Michael Davis foi quem comprou o imóvel, que pode hospedar até 20 pessoas, por US$ 1,39 milhão. Em março desse ano, ele o revendeu por US$ 2,14 milhões.

Apesar de ter vendido a casa, Davis e um sócio decidiram alugá-la junto ao novo proprietário. Depois disso, eles decoraram o local com "móveis presidenciais" e o anunciaram no Airbnb.

"Não houve muitas mudanças desde que Trump viveu aqui. É uma oportunidade especial e única para ficar no lar de um presidente em exercício", afirma o anúncio publicado no site.

O imóvel terá neste fim de semana seus primeiros inquilinos. No entanto, eles não poderão fumar, realizar festas ou levar animais de estimação para a casa. Além disso, eles não estarão sozinhos, já que o sócio de Davis ocupa um dos quartos.

"Acreditamos que muitas pessoas vão querer ficar aqui", afirmou Davis ao New York Post. / EFE

 

Mais conteúdo sobre:
Donald Trump New York Post

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.