Casal suíço mantido em cativeiro pela Taleban escapa

O Ministério das Relações Exteriores da Suíça informou que um casal mantido em cativeiro por oito meses pelo Taleban no Paquistão voltou para casa onde eles foram recebidos pela família e pelos amigos.

GENEBRA, Agência Estado

17 de março de 2012 | 14h52

David Och e Daniela Widmer, de nacionalidade suíça, chegaram em segurança e em boas condições no aeroporto de Zurique neste sábado, dois dias depois de fugirem de seus sequestradores no noroeste do Paquistão.

O casal, que estava em férias, foi capturado em julho, no sudoeste da província paquistanesa de Baluquistão. Eles apareceram em um posto do exército perto da fronteira do Afeganistão nesta quinta-feira, dizendo que haviam conseguido escapar. O Taleban informou que uma recompensa foi paga para que eles fossem soltos. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Talebansequestro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.