Cavallo é notificado sobre indiciamento e prisão

O ex-ministro de Economia da Argentina Domingo Cavallo foi notificado nesta quarta-feira sobre seu indiciamento e teve a prisão preventiva decretada pelo delito de contrabando de armas. A decisão foi tomada pelo juiz Julio Speroni, que havia pedido a detenção no dia 3 de abril.Speroni embargou também US$ 327.000,00 em bens pertencentes ao ex-ministro depois de qualificar Cavallo como "partícipe necessário" nas supostas irregularidades cometidas entre 1991 e 1995, durante o governo do ex-presidente Carlos Menem, quando armas teriam sido vendidas ilegalmente à Croácia e ao Equador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.