CBS admite que papéis sobre Bush podem ser falsos

Recuando de sua posição de confirmar a autenticidade dos documentos que provariam que George W. Bush abusou de privilégios quando serviu na Guarda Nacional do Texas, a rede CBS admitiu hoje que os papéis exibidos em seu programa 60 Minutes, na semana passada, podem ter sido manipulados. Os documentos, alguns dos quais indicariam que Bush foi proibido de pilotar aviões, parecem mais ter sido elaborados num computador do que numa máquina de escrever dos anos 70. Segundo o jornal The Washington Post, os documentos foram enviados por fax à CBS por meio de uma empresa de reprografia de Abilene, no Texas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.