CDH aprova resolução condenando Israel por crise palestina

O Conselho de Direitos Humanos (CDH) da ONU aprovou nesta quinta-feira por 29 votos a favor e 11 contra uma resolução que condena Israel pela deterioração das condições humanitárias dos palestinos, mas que não pede às autoridades palestinas que evitem as ações violentas.O presidente do CDH, o embaixador do México, Luis Alfonso de Alba, informou que após uma votação dos 47 membros do principal órgão da ONU sobre os direitos humanos, 29 países votaram a favor, 11 contra e cinco se abstiveram. A Finlândia, que neste semestre preside a União Européia (UE), o Canadá e o Japão destacaram durante a explicação do voto sua oposição à resolução porque "o texto não é equilibrado" e se centra em acusar Israel, sem pedir às autoridades palestinas que intervenham, por sua parte, para pôr fim à violência.Ao término da votação, o presidente do CDH pediu aos países que "não questionem a vontade majoritária" e ressaltou que na resolução dá sinal verde para que o relator da ONU para a situação dos direitos humanos nos territórios palestinos vá para a região para a elaboração de um relatório sobre o que está ocorrendo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.