Daniel Leal-Olivas / AFP
Daniel Leal-Olivas / AFP

Celebração em Portsmouth dos 75 anos do Dia D tem presença de Trump, Macron e Merkel

Cerca de 300 ex-combatentes também participaram do evento para celebrar o aniversário do desembarque na Normandia durante a 2.ª Guerra, considerado a maior invasão anfíbia da história militar

Redação, O Estado de S.Paulo

05 de junho de 2019 | 09h31

PORTSMOUTH, REINO UNIDO - As celebrações pelo aniversário do desembarque na Normandia, no dia 6 de junho de 1944, começaram nesta quarta-feira, 5, na cidade britânica de Portsmouth, com a presença da rainha Elizabeth II e do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

A monarca britânica, de 93 anos, foi a última a chegar ao local onde era realizado o evento, do qual participaram cerca de 300 ex-combatentes e outros líderes mundiais, como o presidente da França, Emmanuel Macron, e a chanceler alemã, Angela Merkel.

Para a comemoração, foi instalado um palco gigante com as bandeiras dos países aliados na 2.ª Guerra e a frase "D-Dia-75", onde a guarda real e membros das Forças Armadas fizeram uma demonstração de exercício militar para dar as boas-vindas à soberana.

No camarote real, a rainha estava acompanhada pelo seu filho e herdeiro, o príncipe Charles, além de Trump e da primeira-dama, Melania Trump, da primeira-ministra britânica, Theresa May, e líderes de Canadá, Austrália, Nova Zelândia, Bélgica, República Tcheca, Grécia, Luxemburgo, Países Baixos, Noruega, Polônia e Dinamarca.

No grande telão foram exibidas imagens e fotografias do desembarque aliado. Ao palco subiram depois vários ex-combatentes nonagenários, na sua maioria com condecorações na lapela, para receber os aplausos do público.

A atriz britânica Celia Imrie leu textos sobre o significado do chamado Dia D enquanto desfilavam pelo palco membros da guarda real e se via no telão um grande mapa sobre a travessia e cenas do conflito bélico.

Considerado um momento crucial na 2.ª Guerra, a chamada Operação Overlord foi o esforço militar realizado pelos Aliados que culminou na libertação dos territórios da Europa ocidental ocupados pela Alemanha nazista. O desembarque de Normandia é considerado a maior invasão anfíbia da história militar.

Também haverá nesta quarta um desfile aéreo de caças Spitfires e do grupo acrobático da Força Aérea Real britânica Red Arrows, enquanto os líderes mundiais se reunirão para abordar a segurança ocidental em uma recepção para ex-combatentes. Além disso, em frente à costa de Portsmouth haverá uma exibição de embarcações da Marinha britânica, a Royal Navy. / EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.