Célia ganha força no Pacífico e transforma-se em furacão

A tempestade tropical Célia ganhou força hoje no Oceano Pacífico e transformou-se no primeiro furacão da temporada 2010, à medida que se afastava da costa do México, na direção do alto-mar, informa o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos.

AE-AP, Agência Estado

20 de junho de 2010 | 18h33

Especialistas do instituto meteorológico sediado em Miami acreditam que o furacão, no momento com ventos sustentados de 120 quilômetros por hora, continuará a ganhar força gradualmente com o passar das horas.

Na tarde de hoje, o furacão Célia estava 590 quilômetros ao sul de Acapulco, segundo o Centro Nacional de Furacões. O olho da tempestade deslocava-se a 11 quilômetros por hora na direção oeste.

Com ventos de 120 quilômetros por hora, o Célia é considerado um furacão de categoria 1 na escala Saffir-Simpson, que vai de 1 a 5. Conforme meteorologistas, o furacão segue rumo ao alto-mar e no momento não representa ameaça a faixas de terra povoadas.

Tudo o que sabemos sobre:
Méxicotempestade

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.