Centenas de moradores de Naharia abandonam a cidade

Centenas de moradores de Naharia, que fica a cerca de 10 quilômetros da fronteira de Israel com o Líbano, estão abandonado a cidade, depois de ruas serem atingidas por dezenas de foguetes disparados pelo Hezbollah, nesta quinta-feira.Um deles, no começo desta manhã (horário local), caiu num edifício, provocando a morte de uma mulher de cerca de 40 anos que estava no terraço. Cerca de 30 pessoas foram feridas pelos foguetes. Uma delas está hospitalizada, em situação crítico.O Exército israelense definiu uma zona de cerca de 30 quilômetros da fronteira norte de Israel até a localidade de Acre, que considera "área provável de queda de foguetes" ao longo do dia.Fontes militares não descartam que o Hezbollah utilize foguetes de maior alcance, que possam chegar a cidades bem mais ao sul, como Haifa e Netânia.Por enquanto, as forças de segurança aconselham os moradores das localidades do norte do país a permanecer nos abrigos e não consideram necessária uma evacuação em massa. Na falta de abrigos, a população está sendo instruída a se proteger em vãos de escadas e dentro das casas.O ministro da Defesa de Israel, Amir Peretz, se reúne, nesta quinta-feira, com os membros da Comissão parlamentar para Assuntos de Segurança e Exteriores, para explicar os últimos eventos na área de conflito.

Agencia Estado,

13 de julho de 2006 | 04h58

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.