Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Centenas de tropas ruandesas entram no leste do Congo

Centenas de tropas vindas de Ruanda entraram no leste do Congo com o objetivo de confrontar rebeldes da etnia hutu que participaram do genocídio ruandês. Um porta-voz do governo congolês, Lambert Mende, afirmou que as forças estrangeiras chegaram ao país na manhã de hoje. A força de mantenedores de paz da Organização das Nações Unidas (ONU) no Congo estima que haja entre 1.500 e 2 mil soldados ruandeses no leste do Congo. Os dois países concordaram em aumentar os esforços contra os rebeldes hutus no Congo - eles atuam bem perto da fronteira entre essas nações.Os combatentes hutus fugiram para o Congo em 1994, após ajudarem a realizar um massacre que matou mais de meio milhão de pessoas da etnia tutsi. Eles permanecem no território congolês impunes, bastante armados, e controlam lucrativas minas nas remotas montanhas e florestas do país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.