Centenas protestam contra política para imigrantes nos EUA

Centenas de pessoas fizeram uma manifestação neste sábado, 7, em Los Angeles, para protestar contra as políticas migratórias da Casa Branca e solicitar um caminho para a cidadania dos 12 milhões de imigrantes nos Estados Unidos. A manifestação aconteceu desde a avenida Broadway até a sede de alistamento em Loas Angeles.Durante o protesto, muitos manifestantes dançaram músicas de ritmo mexicano e carregavam bandeiras dos Estados Unidos, além de levantar cartazes que pediam anistia.Os ativistas pró imigrantes dizem que se sentem pressionados pelo presidente americano, George W. Bush, a quem consideravam aliado.Para poder obter documentos de permissão e se tornarem residentes legais nos EUA, os imigrantes teriam que voltar a seus países de origem e solicitar a entrada dentro da lei em uma embaixada americana, além de pagar uma multa de US$ 10 mil.Esta proposta é criticada pelos imigrantes, Partido Democrata, Igreja Católica e sindicatos, que argumentam que impostos que eles sofrem superam os US$ 20 mil dólares, o que é proibido para trabalhadores de baixos salários.Este plano é considerado muito mais conservador do que o aprovado em 2006, que contava com visto de Bush. Esta iniciativa havia dado esperanças aos imigrantes qye decidiram permanecer no país.No entanto, os políticos conservadores barraram a medida na Câmara dos Representantes (deputados), dificultando a estadia dos imigrantes no país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.