Centro da capital do Texas interditado devido à morte de aves

A polícia fechou 10 quarteirões na área central de Austin, capital do Texas, nesta segunda-feira como medida de precaução, após a descoberta de dezenas de pássaros mortos. Aproximadamente 60 aves mortas foram encontradas ao longo da Avenida do Congresso, rota principal no centro da cidade. Não hove nenhum caso de doenças ou problemas com seres humanos.Autoridades disseram que a interdição das ruas foi uma precaução, caso as mortes estejam relacionadas a alguma coisa como um vazamento de gás, mas afirmaram não acreditar que houvesse perigos imediatos à saúde. "A área ficará fechada até pelo menos o meio-dia" disse a porta-voz da polícia de Austin, Toni Chovanetz.O diretor médico do departamento de saúde e serviços humanos do condado de Travis, Adolfo Valadez, afirmou que não havia a suspeita de que a gripe aviária tenha sido a responsável pela morte das aves, que estavam sendo submetidas a exames. Em Nova York, alguns prédios foram desocupados e um serviço de trens metropolitanos foi temporariamente suspenso na manhã de segunda-feira, devido a um cheiro de gás em Manhattan, mas as autoridades disseram que não havia perigo nem indicação de que se tratasse de terrorismo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.