Cerca de 100 somalis morrem afogados na costa do Iêmen

Uma centena de refugiados somalis, provavelmente em fuga da caótica situação vivida pelo país, morreram afogados nas proximidades da costa do Iêmen após serem obrigados a se atirar ao mar por traficantes que temiam ser surpreendidos pela guarda costeira iemenita. A informação foi dada pelo semanário iemenita Al-Wahdah, citando fontes da segurança local. A guarda costeira continua dando buscas aos refugiados, na esperança de encontrar alguns com vida.

Agencia Estado,

30 Janeiro 2002 | 13h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.