Cerca de metade dos voos são retomados na Europa

Cerca de metade dos 27.500 voos programados para esta terça-feira, na Europa, foram realizados, de acordo com estimativa da Eurocontrol, agência que monitora o tráfego aéreo civil no continente. Controladores do tráfego aéreo deram sinal verde para a retomada dos voos comerciais, mas, diante das condições ambientais variáveis, algumas companhias tinham dificuldades para definir suas programações.

AE-AP, Agência Estado

20 de abril de 2010 | 20h10

Os espaços aéreos de França, Grã-Bretanha e Itália foram reabertos hoje. Já na Alemanha, o espaço aéreo teve reabertura parcial apenas. A empresa aérea alemã Lufthansa tinha previstos 200 voos, apenas 15% do seu tráfego aéreo normal.

Em Paris, os aeroportos de Orly e Roissy/Charles de Gaulle receberam três quartos dos seus voos internacionais previstos, disse o ministro do Meio Ambiente, Jean Louis Boloo. A Air France afirmou que amanhã deverá retomar os voos regionais na França, incluída a ligação entre Paris e a Córsega. O Aeroporto de Heathrow, em Londres, foi reaberto no final da tarde e recebeu um voo da British Airways vindo de Toronto, no Canadá.

Dinamarca e Polônia mantiveram seus espaços aéreos fechados. A Noruega manteve o espaço aéreo parcialmente fechado.

O caos aéreo na Europa foi causado pelas cinzas do vulcão Eyjafjallajokull, na Islândia. Ele entrou em erupção na quarta-feira passada e lançou grandes quantidades de cinza sobre a Europa. Há o temor de que as partículas causem danos aos motores dos aviões e possíveis acidentes. Com informações da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
IslândiavulcãoaerorportosvoosEuropa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.