Chancelaria dos EUA adverte participantes de flotilha

O Departamento de Estado fez advertências aos norte-americanos que vão participar da flotilha internacional que vai tentar romper o bloqueio naval de Israel à Faixa de Gaza. Em suas novas diretrizes de viagem para Israel, Cisjordânia e Gaza, o departamento diz que a costa de Gaza é "perigosa e volátil". As diretrizes lembram que a Marinha israelense interceptou tentativas anteriores de entrada em Gaza pelo mar e que isso resultou em mortes, ferimentos e prisões.

AE, Agência Estado

22 de junho de 2011 | 18h57

Os Estados Unidos afirmam que os participantes da ação podem ser presos, processados e deportados. Autoridades israelenses dizem que vão tentar proibir qualquer um que tente romper o bloqueio de entrar em Israel pelo período de dez anos. Um grupo de 36 cidadãos norte-americanos anunciou seu projeto de viajar a bordo de uma embarcação de bandeira norte-americana que vai compor a flotilha e que, neste mês, vai desafiar o bloqueio. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAdiplomaciaflotilhaGaza

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.