Chanceler francês pede o fim do bloqueio ao Líbano

O ministro de Relações Exteriores da França, Philippe Douste-Blazy, disse que pedirá a sua colega israelense, Tzipi Livni, com quem vai se reunir nesta quarta-feira em Paris, queIsrael suspenda o bloqueio ao Líbano. "Pedirei à chanceler israelense que levante o bloqueio aos portos e aeroportos porque isso não pode continuar. Para o Líbano se reconstruir economicamente, é preciso suspender o bloqueio", disse Douste-Blazy à emissora de TV France 2.Douste-Blazy já havia feito o mesmo apelo no dia 12, em Beirute. Israel não suspendeu o bloqueio que mantém desde 12 de julho, apesar da entrada em vigor do cessar-fogo no dia 14 de agosto. Adecisão está sendo condicionada à presença de uma força internacional na fronteira entre Líbano e Síria e no aeroporto de Beirute. Além de se reunir com Douste-Blazy, Livni será recebida pelo ministro do Interior, Nicolas Sarkozy, e pelo primeiro-ministro,Dominique de Villepin.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.