Chanceler vai à China pedir apoio contra o Irã

Em visita a Pequim, o chanceler de Israel, Avigdor Lieberman, tentou convencer o governo chinês a adotar medidas adicionais contra as ambições atômicas do Irã . "A comunidade internacional pode conter o programa nuclear iraniano. É apenas uma questão de determinação", disse o chanceler. A China votou a favor de quatro rodadas de sanções contra o Irã, mas se opõe a medidas adicionais neste momento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.