Chávez comete erro ortográfico em classe de alfabetização

Em rede nacional de televisão, o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, surpreendeu hoje os venezuelanos quando, numa aula de alfabetização, escreveu erroneamente uma palavra. Ele conduzia uma classe como parte do início da segunda fase de um plano para ensinar a ler e escrever adultos dos bairros pobres das cidades da Venezuela."Gosto muito de ensinar", disse Chávez dirigindo-se a cerca de 20 alunos reunidos em uma sala de aula improvisada num estúdio de televisão. "Quando se fala que ´adquerir´ é algo além de querer", disse Chávez, depois de ter escrito a palavra "adquerir" no quadro negro.Chávez foi corrigido pelo ministro da Educação, Aristóbulo Isturiz, que em voz baixa lhe disse: "É adquirir". "Cometi um erro alí, correto?. É adquirir. Corrigi meu erro", disse Chávez ao apagar a palavra e escrevê-la corretamente.

Agencia Estado,

15 de setembro de 2003 | 19h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.