Chávez diz que Fidel Castro vencerá "batalha pela vida"

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, afirmou nesta quinta-feira que o líder cubano Fidel Castro "está travando uma grande batalha por sua vida", mas disse que o próprio líder cubano lhe deu razões para ser otimista em relação a uma rápida recuperação.A declaração de Chávez parece ser a pior escolha de palavras possível até agora vinda de um aliado próximo de Fidel na descrição do estado de saúde do líder cubano - talvez a primeira de alguém próximo a ele a caracterizar sua condição como uma ameaça à vida."Daqui, vamos rezar a Deus por Fidel e sua recuperação, e ele está lutando uma grande batalha", disse Chávez em discurso televisionado.Chávez disse que um mensageiro lhe trouxe um recado de Fidel Castro na quarta-feira - "uma mensagem que me encheu de otimismo e fé"."Eu lhe disse, ´Te acompanhamos daqui; cada segundo, cada minuto, cada hora, cada dia, cada noite dessa grande batalha pela vida que estás lutando com teu coração, tua alma, tuas entranhas e tua grandeza´", disse Chávez referindo-se à carta que escreveu a Fidel. "É uma batalha que eu sei, Fidel, que você também irá vencer", afirmou o governante."Foi uma emboscada, uma surpresa. Alguns dias antes, estávamos em Córdoba, em uma reunião do Mercosul", acrescentou Chávez.Chávez disse que ele e Fidel se abraçaram na porta do avião, prometeram se ver novamente em breve, "e de repente a surpresa, mas essa é a vida"."É a vida, a biologia", disse. "E também são os 80 anos que você viveu, Fidel Castro, e que 80 anos Fidel viveu"!Fidel Castro foi obrigado a ceder provisoriamente o poder a seu irmão Raúl, em 31 de julho, após sofrer uma delicada intervenção cirúrgica provocada por uma hemorragia intestinal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.