Chávez e Cristina visitam Evo em momento crítico

A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, e o venezuelano Hugo Chávez visitarão hoje a Bolívia para assinar acordos na área de energia. A apenas cinco dias do referendo revogatório sobre o mandato de Evo Morales e de oito dos nove governadores do país, a visita funcionará também como uma forma de apoiar o presidente boliviano em sua disputa com a oposição. O encontro acontecerá na cidade de Tarija, no sul da Bolívia, capital do departamento onde estão 80% das reservas de gás do país. Segundo o Ministério dos Hidrocarbonetos boliviano, Evo e Cristina devem firmar acordos que garantirão o suprimento de até 27,7 milhões de metros cúbicos diários de gás à Argentina, além da construção de um gasoduto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.