Chávez: empréstimos sem juros para pobres

O presidente venezuelano Hugo Chávez anunciou um plano pelo qual os bancos estatais poderão conceder empréstimos sem juros aos pobres que desejarem abrir pequenos negócios. "A idéia é ajudá-los a sair da pobreza em que caíram - produto resultante de modelos políticos, econômicos e sociais selvagens, que destruíram os princípios básicos da ética", declarou Chávez na última quarta-feira. O presidente abordou o tema antes de uma reunião da área econômica, indicando que estes microcréditos são uma iniciativa similar às existentes em alguns países árabes. A oferta de microcréditos é a mais recente de uma série de programas governamentais destinados a tornar o crédito mais acessível aos pobres venezuelanos, que costituem cerca de 80% da população do país. Chávez utilizará os estatais Banco Popular, Banco da Mulher e Banco Industrial para disponibilizar tais empréstimos.O governante venezuelano comentou ainda que quem solicitar os pequenos empréstimos poderá obter desconto se pagar dentro do prazo, e que o desconto será maior para quem antecipar o pagamento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.