Francisco Batista/Efe
Francisco Batista/Efe

Chávez está 'estável' após cirurgia, diz ministro

Ernesto Villegas afirmou que as autoridades venezuelanas estão 'confiantes' no tratamento recebido pelo presidente

estadão.com.br,

13 de dezembro de 2012 | 09h00

(Texto atualizado às 12h55) CARACAS - O estado de saúde do presidente da Venezuela, Hugo Chávez, é "estável" após a última cirurgia para o tratamento de um câncer na região pélvica, afirmou o ministro da Informação do país, Ernesto Villegas, na noite de quarta-feira.

"Após a complexa e delicada intervenção cirúrgica, o paciente está em um processo pós-operatório igualmente complexo. Confiamos na força física e espiritual do comandante Hugo Chávez e no tratamento médico. A equipe médica indica que o paciente está em condições estáveis em seu processo evolutivo", disse Villegas, em comunicado feito na TV venezuelana.

As preocupações sobre a saúde de Chávez se intensificaram depois de as autoridades advertirem que dias "difíceis" de tratamento virão, enquanto o país aguarda o resultado da luta do presidente contra a doença. Autoridades também levantaram a possibilidade de Chávez, que foi reeleito para um novo mandato de seis anos em outubro, não voltar à Venezuela a tempo para a posse, marcada para 10 de janeiro.

Funcionários do governo têm divulgado frequentes atualizações sobre a saúde do presidente, embora esses comunicados tragam poucos detalhes sobre a doença sofrida por Chávez.

Com informações da Dow Jones

Tudo o que sabemos sobre:
VenezuelaHugo ChávezErnesto Villegas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.