Chávez não renovará concessão de TV oposicionista

A Venezuela não irá renovar a licença de uma estação televisiva ligada à oposição quando esta espirar no ano que vem, disse nesta quinta-feira o presidente Hugo Chávez, acusando o canal de apoiar conspirações para tirá-lo do poder.Chávez, que foi reeleito com grande margem no começo deste mês, disse que o chefe da Rádio Caracas Televisão (RCTV), Marcel Granier, estava errado ao acreditar que a "concessão é eterna"."Sua concessão televisiva acaba em março", disse o presidente venezuelano. "Então é melhor ele começar a fazer suas malas e pensar o que fará após março. Não haverá nenhuma nova concessão para esse canal subversivo chamado Rádio Caracas Televisão." RCTV é uma das diversas emissoras de rádio e televisão que nos últimos anos criticaram severamente o governo Chávez e favoreceram a oposição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.