Chávez nega ter oferecido base militar para Rússia

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, disse que os aviões bombardeiros da Rússia serão bem-vindos ao seu país, mas ele negou que tenha oferecido a Moscou parte do território para a instalação de uma base militar. Chávez fez esta declaração em resposta a uma reportagem de ontem da agência de notícias russa Interfax, citando o chefe do Estado Maior da Rússia que coordena a aviação de longo alcance, dizendo que alguns bombardeiros estratégicos podem ser baseados na Venezuela.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.