Chávez nomeia comandante do Exército como ministro da Defesa

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, disse neste sábado que o general-de-divisão Raúl Baduel, comandante do Exército, ocupará o Ministério da Defesa quando o atual titular, o almirante Orlando Maniglia, terminar seu mandato.Além de ser o próximo ministro da defesa, Baduel foi promovido ageneral-em-chefe, posto máximo do Exército venezuelano.O anúncio foi feito por Chávez durante a celebração do aniversário de 185 anos da Batalha de Carabobo, determinante para a independência da Venezuela, no Campo de Carabobo, a 130 quilômetros de Caracas.A cerimônia comemorativa incluiu uma parada militar na qual se mostraram os novos fuzis russos "Kalashnikov" e os lança-granadas de fabricação nacional que equiparão as forças de infantaria a partir de outubro. Vários helicópteros russos Mim-17, recente incorporados ao Exército, voaram durante a celebração.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.