Fernando Llano/AP
Fernando Llano/AP

Chávez telefona para Capriles e pede 'união nacional'

Candidato oposicionista, derrotado nas eleições de domingo, confirmou ligação

estadão.com.br,

08 de outubro de 2012 | 17h51

CARACAS - O presidente Hugo Chávez, reeleito no domingo na Venezuela afirmou, por meio de seu twitter, ter telefonado nesta segunda-feira, 8, para o candidato derrotado Henrique Capriles. "Acreditem: tive uma conversa agradável com Henrique Capriles. Peço a união nacional, apesar de nossas diferenças."

O oposicionista confirmou, também por meio de sua conta no microblog, ter recebido o telefonema. "Recebi uma chamada do presidente Chávez. Em nome dos mais de 6,5 milhões de venezuelanos ele pediu união no país e respeito", afirmou Capriles.

Votos

Aos 58 anos, e recuperando-se de um câncer pélvico, Chávez teve 55,14% dos votos, de acordo com o Conselho Nacional Eleitoral (CNE) e Capriles, 44,24% da preferência popular. O voto na Venezuela não é obrigatório, mas a participação eleitoral foi de 80%.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.