Chávez virá ao Brasil discutir Grupo de Amigos

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, declarou hoje que a criação do Grupo de Amigos da Venezuela "é uma idéia maravilhosa", mas disse que seu país "não aceita restrições na designação de seus amigos". "O grupo de países que quer ajudar a Venezuela deve fazer um grande esforço direto para entender o que está acontecendo aqui", disse Chávez em seu discurso anual perante o Parlamento.Anunciou também que, após seu discurso perante o Legislativo, viajaria para o Brasil a fim de encontrar-se com o presidente brasileiro, Luiz Inácio Lula da Silva, a fim de continuar a discussão sobre a formação do Grupo de Amigos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.