Chavistas investigarão

A Assembléia Nacional venezuelana - totalmente composta por partidos da base aliada de Hugo Chávez - anunciou ontem que investigará 63 casos de corrupção na petrolífera estatal Petróleos de Venezuela S.A. (PDVSA). O anúncio foi feito por um membro da Comissão de Meios da Assembléia, Luis Tascón, depois que o jornalista Leocenys García e o padre José Palmar entregaram ao Legislativo documentos que provariam as denúncias. Nenhum dos promotores da investigação, no entanto, deu detalhes sobre os delitos. ''''Eles (García e Palmar) serão chamados para que apresentem as evidências. Que eles não se atrasem, mas também não se adiantem'''', disse Tascón.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.