Chefão do tráfico colombiano é preso em Cuba

Luis Hernando Bustamante, suspeito de liderar o maior cartel de drogas da Colômbia e de contrabandear o equivalente a US$ 10 bilhões em cocaína para os EUA, foi preso em Cuba, informa o chefe de polícia da Colômbia. De acordo com o general Jorge Daniel Castro, o governo cubano informa que Bustamante, mais conhecido como ?Rasugno?, foi detido em 2 de julho, tentando entrar em Cuba com um passaporte falso.?No momento ele é prisioneiro da procuradoria-geral de Cuba e estamos negociando seu retorno à Colômbia?, disse o general a jornalistas. Bustamante é um dos três chefões do cartel Norte del Valle, que suplantou os cartéis de Medellin e Cali no início dos anos 90 e é hoje fonte de 60% de toda a cocaína vendida nos Estados Unidos, segundo o DEA. Há, nos EUA, uma recompensa de US$ 5 milhões por informação que leve à captura de Bustamante.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.